Inbound Marketing é uma metodologia recente que surgiu com o foco de atrair clientes por meio de conteúdo personalizado e de qualidade, gerando uma experiência do produto ou serviço antes mesmo de seu consumo. Esse método permite que as empresas criem maneiras mais engajadoras de seduzir seu público e, com isso, acabem abandonando o modelo de outbound marketing, mais conhecido como modelo tradicional de publicidade, que tem como principal premissa interromper o público com conteúdos que este não deseja.

Pensado como forma de oferecer soluções e oportunidades para um público específico, o Inbound Marketing tem como principal função agregar valor na vida pessoal ou profissional do cliente-alvo, fazendo com que, ao consumir o conteúdo elaborado, ele possa ter benefícios e impactos reais e positivos.

Para o nosso professor dos cursos de Pós em Marketing Digital, Antonio Savino, o Inbound Marketing implica voltar o olhar para o cliente e suas necessidades, tendo como objetivo fazer perguntas que ajudem a entender o que ele possui de “dor”, ou seja, o que ele busca resolver. Assim, com informações privilegiadas e mais assertivas, o profissional de comunicação tem a missão de olhar para os serviços e produtos no intuito de conectar suas soluções com a resolução do problema do cliente.

Como fazer Inbound Marketing?

Considerada hoje uma das disciplinas mais importantes do marketing digital, o Marketing de Atração (Inbound) pode ser feito por diversos canais de comunicação e com conteúdos e formatos diferentes. Porém, o Inbound Marketing não consiste apenas em atrair o cliente. A ideia é criar uma régua de comunicação contínua que possa dar suporte em todas as etapas do funil de vendas.

A sua forma de realização segue a descrição do funil de Inbound Marketing acima, trabalhando a seguintes etapas:

Atrair (Personas)

A etapa de atração está ligada diretamente ao desenvolvimento de conteúdo que possa despertar no seu público a vontade de conhecer mais sobre o que você tem a resolver ou a acrescentar na vida dele. Por isso, criar posts e artigos em seu site, blog e mídias sociais que agreguem valor é o melhor caminho. Os exemplos incluem um manual de como usar o seu produto ou como o seu serviço pode potencializar o cotidiano do prospect.
O canal mais profundo para atrair o cliente é através de estratégias para SEO (Search Engine Optimization). A produção de conteúdo com foco em palavras-chave relacionadas ao seu produto ou serviço permitirá que suas informações sejam indexadas pelos motores de busca como o Google e, se bem trabalhada, levar você a aparecer nas primeiras posições da pesquisa orgânica.

Converter (Visitantes)

Uma vez que seu cliente avance no funil e esteja no seu site, a ideia é criar, por meio de landing pagese-book, depoimentos, palestras e outros meios, uma forma de captar os dados dele, mapeando a origem do cadastro e, assim, separá-lo para uma trilha de conteúdos relacionada à dor e às necessidades que o levaram até o seu domínio.

Vender (Leads)

Transformando o seu visitante em lead, chegou o momento de criar vínculo, mostrando que você escutou o que ele queria dizer e que preparou uma série de conteúdos voltados ao assunto desejado. Para cumprir essa etapa é preciso contratar um CRM (Customer Relationship Management), que é uma plataforma que visa à gestão de relacionamento com o cliente. Com ele configurado, é necessário automatizar as jornadas, a interação do cliente e os envios feitos a ele, pois assim a relação fica registrada em histórico, potencializando conversas futuras.

Encantar (Clientes)

Se você chegou à parte do funil que fala sobre encantar o cliente, parabéns, pois você conseguiu entregar conteúdos tão valiosos para o seu lead que ele quer mais; ele quer estar no seu dia a dia. Com isso, é o momento de mostrar que a relação entre vocês vai além de uma simples captação, mas se trata de um ato contínuo de “amizade”. As formas mais eficazes de realizar essa etapa são: pesquisa de satisfação, envio de conteúdo para reforçar a marca ou produto, interação nas redes sociais e outras. O ideal é que o cliente vire defensor da marca em qualquer canal que ele frequentar.